Porque a pele fica oleosa apos rinoplastia

Tempo de leitura: 2 min

Escrito por
em 21/02/2024

Compartilhe

Porque a pele fica oleosa após rinoplastia

A rinoplastia é um procedimento cirúrgico muito comum, realizado para corrigir imperfeições no nariz e melhorar a estética facial. No entanto, muitas pessoas que passam por essa cirurgia relatam que a pele do rosto fica mais oleosa após o procedimento. Mas afinal, por que isso acontece?

Para entender melhor esse fenômeno, é importante considerar que a rinoplastia envolve a manipulação dos tecidos e estruturas do nariz, o que pode afetar a produção de óleo pelas glândulas sebáceas da pele. Além disso, o uso de medicamentos e pomadas pós-operatórias também pode contribuir para o aumento da oleosidade da pele.

Produção de óleo pelas glândulas sebáceas

As glândulas sebáceas são responsáveis pela produção de óleo que lubrifica e protege a pele. Durante a rinoplastia, é comum que essas glândulas sejam afetadas devido à manipulação dos tecidos ao redor do nariz. Isso pode resultar em um aumento da produção de óleo, deixando a pele mais oleosa do que o normal.

Além disso, o processo de cicatrização após a cirurgia também pode estimular as glândulas sebáceas a produzirem mais óleo, como parte do processo de regeneração da pele. Por isso, é comum que os pacientes percebam um aumento da oleosidade da pele nas semanas seguintes à rinoplastia.

Uso de medicamentos e pomadas pós-operatórias

Outro fator que pode contribuir para a pele ficar mais oleosa após a rinoplastia é o uso de medicamentos e pomadas recomendados durante o período pós-operatório. Muitos desses produtos contêm substâncias que podem estimular a produção de óleo pelas glândulas sebáceas, deixando a pele com um aspecto mais brilhante e oleoso.

Além disso, o uso de curativos e bandagens no nariz após a cirurgia pode dificultar a respiração da pele, criando um ambiente propício para o acúmulo de óleo e sujeira. Isso pode levar ao surgimento de cravos e espinhas, tornando a pele ainda mais oleosa e propensa a problemas dermatológicos.

Cuidados com a pele após a rinoplastia

Para controlar a oleosidade da pele após a rinoplastia, é importante adotar uma rotina de cuidados específicos para o tipo de pele. É recomendável utilizar produtos de limpeza suaves e não comedogênicos, que ajudem a remover o excesso de óleo sem ressecar a pele.

Além disso, é importante manter a pele bem hidratada, utilizando produtos livres de óleo e não comedogênicos. Evitar o uso de maquiagem pesada e produtos cosméticos que obstruam os poros também é fundamental para prevenir o aumento da oleosidade e o surgimento de problemas de pele.

Consulte um dermatologista

Se a oleosidade da pele persistir após a rinoplastia, é importante consultar um dermatologista para avaliar a situação e recomendar tratamentos específicos para o seu caso. O profissional poderá indicar produtos e procedimentos adequados para controlar a produção de óleo e manter a pele saudável e equilibrada.

Lembre-se de seguir as orientações do dermatologista e manter uma rotina de cuidados com a pele adequada às necessidades do seu tipo de pele. Com os cuidados certos, é possível controlar a oleosidade e manter a pele do rosto saudável e bonita após a rinoplastia.

Compartilhe

Você vai gostar também: