Qual a porcentagem de gordura visceral ideal

Tempo de leitura: 2 min

Escrito por
em 10/02/2024

Compartilhe

Qual a porcentagem de gordura visceral ideal?

A gordura visceral é um tipo de gordura que se acumula ao redor dos órgãos internos, como o fígado, pâncreas e intestinos. Diferente da gordura subcutânea, que fica logo abaixo da pele, a gordura visceral está mais profundamente localizada e pode ser prejudicial à saúde quando em excesso.

Para determinar a porcentagem de gordura visceral ideal, é importante entender que cada pessoa possui um biotipo e metabolismo diferentes. No entanto, existem algumas diretrizes gerais que podem ser seguidas para avaliar se a quantidade de gordura visceral está dentro dos níveis considerados saudáveis.

Como medir a porcentagem de gordura visceral?

Uma das formas mais comuns de medir a porcentagem de gordura visceral é através da medição da circunferência da cintura. Isso porque a gordura visceral tende a se acumular na região abdominal, o que pode indicar um maior risco de problemas de saúde relacionados à obesidade.

Para medir a circunferência da cintura, basta utilizar uma fita métrica e posicionar na altura do umbigo. É importante que a fita esteja ajustada ao corpo, mas sem apertar. Em seguida, basta anotar a medida obtida.

Quais são os níveis considerados saudáveis?

De acordo com a Organização Mundial da Saúde (OMS), a circunferência da cintura deve ser menor que 94 cm para homens e menor que 80 cm para mulheres. Esses valores são considerados como indicadores de menor risco de desenvolvimento de doenças cardiovasculares, diabetes tipo 2 e outras condições relacionadas à obesidade.

No entanto, é importante ressaltar que a circunferência da cintura é apenas um indicativo e não deve ser utilizado isoladamente para determinar a porcentagem de gordura visceral. Outros fatores, como a composição corporal e o índice de massa corporal (IMC), também devem ser considerados.

Como reduzir a gordura visceral?

Se a porcentagem de gordura visceral estiver acima dos níveis considerados saudáveis, é possível adotar algumas medidas para reduzi-la. A combinação de uma alimentação equilibrada, prática regular de exercícios físicos e a redução do estresse podem ser eficazes na diminuição da gordura visceral.

Uma dieta rica em alimentos naturais, como frutas, verduras, legumes e proteínas magras, aliada à redução do consumo de alimentos processados e ricos em gorduras saturadas, pode contribuir para a perda de gordura visceral.

A prática de exercícios físicos, como caminhadas, corridas, musculação e treinos intervalados de alta intensidade, também pode ser benéfica na redução da gordura visceral. Além disso, é importante buscar formas de reduzir o estresse, como a prática de meditação, ioga ou outras atividades relaxantes.

Conclusão

Em resumo, a porcentagem de gordura visceral ideal varia de acordo com o biotipo e metabolismo de cada pessoa. No entanto, a medição da circunferência da cintura pode ser utilizada como um indicativo de menor risco de desenvolvimento de doenças relacionadas à obesidade.

Para reduzir a gordura visceral, é importante adotar uma alimentação equilibrada, praticar exercícios físicos regularmente e buscar formas de reduzir o estresse. Consultar um profissional de saúde, como um nutricionista ou educador físico, pode ser útil para orientar sobre as melhores estratégias para alcançar e manter uma porcentagem de gordura visceral saudável.

Compartilhe

Você vai gostar também: